Categorias
Romance

Noivar é mara!

Se você namora, prepare-se para o feito! Noivar não é um bicho de 7 cabeças e você pode dar um passo muito importante pro futuro de vocês dois.

Quando eu era pequeno, mal me imaginava namorando e muito menos casando. Nunca fui de fazer planos nem promessas. Meu mundo era sempre o “agora” e o amanhã deixava pra mais tarde. Depois da fase de jovem-louco-revoltado e momentâneamente enganado por fatos que definiam minha felicidade como, baladas, bares, amigos e rolos, eis que surge o meu botão “safe me”: minha namorada (tá, quando surgiu, ela não era ainda hehe). Tudo o que eu não tinha sonhado a vida inteira passou a ser pensamentos periódicos entre nós dois como “quando a gente tiver nossa casa” … “o nosso filho vai chamar(…)” … “eu quero entrar na igreja com a música(…)” .. enfim, eu percebi que tinha subido um degrau na vida; tinha deixado de ser moleque e queria crescer.

As conversas iam se estreitando até que resolvemos traçar uma meta e a história do noivado veio a tona. O noivado seria um mini-casamento? Pois teria de ser uma festa com parentes, amigos!?! Fu-deu! Não dava pra bancar uma festinha “pequena” assim, né?! Tínhamos outras prioridades a uma festa onde, se fossemos chamar só os amigos e familiares bem próximos, chegaria perto de 100 pessoas. Resolvemos fazer somente com nossa família .. pais, mães, irmãs, avós e alguns tios. E assim foi.

Pra dar um clima mais legal, me preparei um dia antes e fiz um discursso. Sabia que teria gozações dos tios dela pedindo algo do tipo e, antes que me pegassem com a “calça curta”, levei um texto .. numa pasta .. todo poético e escrito com o coração. O momento seria único na vida e merecia algo especial. Um jantar, todos reunidos quando surge o que eu tava esperando:

– Podemos começar???
– Quer um banquinho pra subir e fazer o pronunciamento?
– Tá nervoso ou quer beber mais um vinho?
– Não! Peraê! Se for pra fazer um negócio direito, então vou fazer um discursso. – soltei
Felicidade

Felicidade é nascer
É nem saber que naquele momento, muita gente está feliz por você
É dar os primeiros passos, as primeiras gargalhadas e dizer mamãe e papai

É você ir pra escola chorando, com o coração apertado e na saída encontrar os braços de sua mãe
Felicidade é comemorar com seu pai a vitória do seu time de coração
É saber aceitar as derrotas que virão pela vida
E mais feliz ainda, que você tem uma família pra te apoiar
Família que tanto me orgulho em falar

Felicidade é você tirar as rodinhas da bicicleta e começar a caminhar sozinho
É ver que mesmo nas horas mais difíceis de sua vida, a família estava unida e com forças pra passar pelo obstáculo que nos emocionou

É você fazer sua primeira viagem sem seus pais
Ter seu primeiro beijo, sua primeira vez
E passar noites acordadas falando ao telefone
É encontrar amigos que você terá por toda vida
E poder contar seus planos e segredos à eles
Poder rir e chorar

Felicidade é ver o esforço que seus pais fizeram durante seus estudos, para que você tivesse uma excelente formação
É passar no vestibular e poder concluir aquilo que você escolheu para sua vida
Fazer daquilo, mais que um trabalho, e sim um prazer de dormir tarde  e acordar cedo
É você saber que está fazendo algo errado e seus pais lhe dando o caminho e a experiência vivida para o seu bem

Felicidade é você chegar em casa acabado, depois da balada e sentir o sol na sua cara
É também saber que erramos ao deixar nossos pais em casa em uma noite mal dormida esperando por você

Felicidade é você encontrar, sem querer, uma pessoa que começa te completar dia pós-dia
É você se apaixonar sem ao menos pedir e esperar
E fazer daquilo a coisa mais importante pra você

Felicidade é você crescer trocando experiências
É você ensinar o que outro dia aprendeu
E passar a enfrentar desafios numa só razão

É traçar junto de quem você ama, planos pro futuro
E dar alegria pra quem te deixa muito alegre todos os dias
Sentir seu amor correspondido
E não ter medo do que vem pela frente

Felicidade é saber que você ganhou mais uma família
E fazer dela, também seu porto seguro.
É poder ver que ela te trata com carinho e te acolhe nas horas que você mais precisa

Felicidade é poder dar alegria a quem te deu a vida
É estar aqui, junto a eles e com a outra família
E pensar que daqui pra frente serão só uma

Felicidade é poder estar hoje aqui
E pedir a permissão de todos, que eu me case com o grande amor da minha vida”

E ali, aos diversos olhos com lágrimas, sorrisos nos rostos e tamanha felicidade nossa, nos noivamos. Foi um momento único e indescritível. Tamanha era nossa felicidade e além disso em olhar nos rostos de nossa família que eles estavam tão quanto feliz como nós dois. Era algo que eles sonhavam, que batalharam por nós em contruir uma excelente vida e formação para que um dia tivessem o prazer e a felicidade de presenciar este feito de nós, filhos. É lindo!

Noivar e se preparar/pensar num casamento não é um “Game Over” (após o pedido eu estava com essa camiseta por baixo da minha camisa e mostrei pra toda a família, na descontração rs). Se você namora e nunca pensou nesse momento, pense com carinho. É uma página da vida que todos nós “devemos” passar. É como nascer, como o primeiro beijo, como sonhar, crescer e ter uma família, assim como você tem, seja ela boa ou ruim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *